Obra de Tarsila do Amaral vai a leilão por preço recorde de R$ 47 milhões

“A Caipirinha” é uma das pinturas marcantes da artista que participou do movimento modernista brasileiro.

Daniel Veloso
Compartilhe esta publicação:
Ding Musa/Divulgação
Ding Musa/Divulgação

“A Caipirinha” é uma das pinturas marcantes de Tarsila do Amaral, artista que participou do movimento modernista brasileiro

Acessibilidade


A pintura “A Caipirinha” (óleo sobre tela, 60 cm x 81 cm) de Tarsila do Amaral será leiloada no dia 17 de dezembro, fruto de uma penhora judicial. O lance mínimo da obra será de R$ 47 milhões, valor que irá registrar novo recorde de preço para uma obra feita por qualquer artista brasileiro. O evento para arrematar e levar a obra para casa será realizado pela Bolsa de Arte.

Tarsila é um dos nomes mais conhecidos do cenário artístico brasileiro do século 20 e do movimento modernista, A artista teve sua arte exposta no Brasil e no exterior, em locais como o Museu de Arte Moderna de Nova York.

LEIA MAIS: LVMH Luxury Ventures investe em site de relógios de luxo

A obra em questão foi produzida em 1923, na década que especialistas de arte classificam como a mais importante de sua carreira. “A Caipirinha” foi finalizada quando Tarsila ainda estava em Paris, e muitos a consideram um dos trabalhos expoentes desse período de sua produção.

 

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

“A Caipirinha” é considerada um dos trabalhos marcantes dessa época de Tarsila do Amaral, misturando inspirações cubistas vindas da Europa com traços que lembram e afirmam sua característica “brasileira”. Segundo o historiador Nicolau Sevcenko, a obra é uma “utopia da brasilidade tropical”.

O preço de arremate recorde marca um movimento de valorização das obras de arte brasileiras iniciado ainda em 1995, quando o “Abaporu” foi comprado pelo empresário argentino Eduardo Costantini por US$ 1,3 milhão.

LEIA TAMBÉM: Louvre faz leilão de experiência que permite admirar “Mona Lisa” de perto

A obra de Tarsila do Amaral está disponível para visitação na Bolsa de Arte em São Paulo, até o dia do leilão.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: