Ibovespa fecha em leve baixa em dia volátil

Getty Images
Índice de referência do mercado acionário brasileiro, o Ibovespa caiu 0,13%, a 94.360,66 pontos

A bolsa paulista encerrou em leve baixa hoje (22), com atenções voltadas ao cenário político doméstico em dia de queda em Wall Street, diante de preocupações com o crescimento global com a deterioração das relações entre Estados Unidos e China.

LEIA MAIS: Ibovespa tem 2ª alta robusta

Índice de referência do mercado acionário brasileiro, o Ibovespa caiu 0,13%, a 94.360,66 pontos. O giro financeiro somou R$ 14,3 bilhões. Nas últimas duas sessões, o Ibovespa teve alta acumulada de 4,99%, zerando as perdas da semana anterior.

Para o sócio fundador da SVN Investimentos, Rodrigo Zauner, prevalecem no mercado avaliações de investidores de que a melhora das expectativas do mercado sobre a economia depende sobretudo da aprovação da reforma da Previdência.

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse nesta quarta-feira considerar “difícil” que os Estados sejam abrangidos pela reforma da Previdência, afirmando ser favorável à capitalização do sistema previdenciário, mas defendeu que sua regulamentação ocorra posteriormente por falta de clima no Legislativo.

Já o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, disse que o governo prepara ajustes na relação com o Congresso, mas que eventuais dessintonias serão resolvidas com diálogo.

As principais praças no exterior encerraram em queda, com maior aversão a ativos de risco decorrente de notícias de que Washington pode impor sanções a outras companhias chinesas.


Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).