Coca Cola Femsa mantém contratos de distribuição da Heineken no Brasil

Divulgação
Divulgação

Heineken terá que manter duas redes de distribuição no Brasil

A Coca-Cola Femsa SAB e a Heineken anunciaram no final de ontem (31) o fim de uma arbitragem sobre contratos de distribuição de bebidas no Brasil favorável à Femsa.

LEIA MAIS: Raízen e Femsa apostam forte no setor de conveniência

Ambas as companhias afirmaram que as bebidas produzidas pela Cervejaria Kaiser, comprada pela Heineken em 2010, vão continuar a ser distribuídas pelos engarrafadores da Femsa no Brasil até 2022.

Com a decisão da arbitragem, a Heineken terá que manter duas redes de distribuição separadas para seus produtos no Brasil, o sistema Kaiser e um comprado da Kirin Holdings em 2017.

A Heineken iniciou o processo de arbitragem dois anos atrás para tentar encerrar os contratos mais cedo e unificar sua distribuição.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).