UBS tem salto de 40% no lucro do 1º trimestre

O banco suíço atribuiu o resultado ao fato de seus clientes terem intensificado transações durante a volatilidade dos mercados

O UBS divulgou hoje (28) que teve lucro líquido de US$ 1,6 bilhão no primeiro trimestre de 2020, 40% maior que o ganho obtido em igual período do ano passado.

O banco suíço atribuiu o resultado ao fato de seus clientes terem intensificado transações durante a volatilidade dos mercados e de as perdas com crédito terem sido “relativamente contidas”, apesar do impacto da pandemia de coronavírus.

LEIA MAIS: “Temos que tirar o chapéu para nosso produtor rural”, diz presidente do Grupo UBS

Entre janeiro e março, as perdas com crédito do UBS somaram US$ 268 milhões, aumentando mais de dez vezes em relação aos US$ 20 milhões do mesmo intervalo de 2019.

Em gestão de ativos, seu principal negócio, o UBS teve avanço anual de 14% na receita do trimestre, a US$ 4,55 bilhões.

Já o banco de investimentos do UBS garantiu receita de US$ 2,45 bilhões no período, 39% maior do que nos primeiros três primeiros meses do ano passado.

Por volta das 7h10 (de Brasília), a ação do UBS subia 5,8% na Bolsa de Zurique. Com informações da Dow Jones Newswires. (Com Agência Estado)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).