Ibovespa cai com cautela internacional pelo coronavírus

Getty Images
Bolsa brasileira tem perdas com mau humor externo. Investidores acompanham balanços de empresas

A bolsa brasileira acompanha o clima de cautela nos mercados internacionais ainda com os receios sobre os efeitos do surto do Covid-19, provocado pelo coronavírus, na economia da China e do mundo.

Às 10h30, horário de Brasília, o Ibovespa caía 0,54%aos 115.891 pontos.

LEIA TAMBÉM: Mercados mundiais cautelosos com China

As ações da Petrobras estavam entre as maiores altas do Ibovespa após a divulgação, na noite anterior, do balanço da companhia. Depois, perderam força nas ON com PETR3 em baixa de 0,09% a R$ 32,54 e PETR4 PN com valorização de 0,78% a R$ 30,79.

A estatal anunciou lucro líquido de R$ 40,1 bilhões em 2019, um aumento de 56% em relação ao ano anterior. Um resultado atribuído, principalmente, ao programa de desinvestimentos da companhia. No quarto trimestre, o lucro líquido diminuiu 10% para R$ 8,2 bilhões, devido ao ganho de capital de R$ 13,9 bilhões com a venda da BR Distribuidora no terceiro trimestre. Por isso, o mercado olhou mais a comparação com o mesmo período do ano anterior, o que leva a um alta de 287% no lucro líquido do quarto trimestre de 2019.

Entre as maiores altas do Ibovespa, as ações da Embraer após o CADE, o Conselho Administrativo de Defesa Econômica, ter aprovado em definitivo a fusão com a Boeing. O órgão levou cinco dias para avaliar um pedido do Ministério Público Federal de revisão do caso por alegar “algumas omissões” na decisão e que o mercado poderia ser afetado pela operação. Um dos pontos levantados pelo MPF foi o impacto do acordo para a aviação regional, isto é, no segmento de aeronaves com menos de 100 assentos.

Com o fim do imbróglio, as ações EMBR3 sobem 2,15% a R$ 19,45.

Outros destaques de alta são da Via Varejo (VVAR3) com valorização de 2,52% a R$ 16,30, Cogna (COGN3) com avanço de 1,43% a R$ 11,31, Marfrig (MRFG3) que subia 1,31% a R$ 13,93 e Totvs (TOTS3) com mais 0,96% a R$ 83,04.

As principais baixas do Ibovespa eram do Pão de Açúcar (PCAR4) com perda de 6,05% a R$ 82,33, Ultrapar (UGPA3) com menos 5,07% a R$ 22,65, Gerdau Metalúrgica (GOAU4) com desvalorização de 3,06% a R$ 9,83, Sulamérica (SULA11) que caía 2,53% a R$ 61,00 e Carrefour (CRFB3) com queda de 1,97% a R$ 21,37.

****

Luciene Miranda é jornalista especializada em Economia, Finanças e Negócios com coberturas independentes na B3, NYSE, Nasdaq e CBOT

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).