OMS suspende testes com hidroxicloroquina em pacientes com Covid-19

George Frey/Reuters
George Frey/Reuters

Especialista da OMS disse que o braço da hidroxicloroquina do ensaio ´Solidariedade´ foi interrompido

A Organização Mundial da Saúde (OMS) informou hoje (17) que os testes com o medicamento hidroxicloroquina em seu grande estudo de tratamentos para pacientes com Covid-19 em vários países foi interrompido, depois que os resultados de outros estudos não mostraram benefício do medicamento contra malária para tratar a doença respiratória provocada pelo novo coronavírus.

“O braço da hidroxicloroquina do ensaio ´Solidariedade´ foi interrompido”, disse a especialista da OMS Ana Maria Henao-Restrepo em entrevista coletiva por videoconferência.

VEJA TAMBÉM: OMS atualizará orientações após “grande notícia” sobre remédio contra Covid-19

Na mesma entrevista, o chefe do programa de emergências da OMS, Mike Ryan, disse que a epidemia de Covid-19 ainda é bastante severa no Brasil e que o momento é de extremo cuidado no país.

Ryan defendeu que as autoridades brasileiras reforcem as medidas de saúde pública para conter a pandemia. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Inscreva-se no Canal Forbes Pitch, no Telegram, para saber tudo sobre empreendedorismo: .

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).