Banco Safra estreia ETF do Ibovespa na B3

O Safra Ibovespa Fundo de índice será negociado pelo ticker SAET11.

Redação
Compartilhe esta publicação:
GettyImages/SOPAImages
GettyImages/SOPAImages

Instituição planeja lançar outros ETFs no mercado brasileiro ao longo de 2021

Acessibilidade


O Banco Safra começa hoje (7) a negociar o Safra Ibovespa Fundo de índice, seu primeiro ETF (fundo de índice, em português), que irá seguir o desempenho do principal índice de referência do mercado de ações brasileiro, o Ibovespa. O ETF é negociado com o ticker SAET11.

O ETF terá taxa de administração de 0,25% ao ano, abaixo de alguns populares ETFs que seguem o índice Bovespa, como o BOVA11, que tem taxa de 0,30% ao ano. “A porcentagem menor fará com que possa existir uma atração maior por parte dos investidores e, uma vez negociado por qualquer pessoa, a instituição se estenderá a um público mais amplo e aumentará a confiança de sua marca”, afirma o Safra em comunicado à imprensa. A instituição planeja ainda “colocar outros ETFs no mercado em 2021”.

Com R$ 310 bilhões em ativos sob gestão, o Safra mira participação no mercado de ETFs que, no mês passado, chegou a acumular participação global de US$ 8,7 trilhões, segundo dados da provedora de informações ETFGI. Segundo a B3, o patrimônio líquido desses fundos ficou em quase R$ 30 bilhões em abril e diariamente são negociados em média R$ 1,5 bilhão em ETFs na Bolsa brasileira.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: