Lojas Renner espera melhora sequencial de resultados ao longo de 2022 e prevê investir R$ 1 bilhão

A companhia divulgou na noite da véspera lucro líquido de cerca de R$ 192 milhões para o primeiro trimestre.

Reuters
Compartilhe esta publicação:

Acessibilidade


A Lojas Renner (LREN3) está registrando vendas em maio acima do esperado, após um desempenho também melhor que as expectativas iniciais em abril, o que tem dado confiança de melhora sequencial nos resultados ao longo do ano, afirmaram executivos da varejista.

Porém, ainda não é possível cravar se esse crescimento dos resultados permitirá à rede atingir níveis de desempenho alcançados antes da pandemia, disseram eles.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

A companhia divulgou na noite da véspera lucro líquido de cerca de R$ 192 milhões para o primeiro trimestre. O resultado reverteu prejuízo sofrido no mesmo período do ano passado, quando o varejo físico ainda era fortemente impactado pela pandemia.

“Ao longo dos próximos trimestres vamos ver uma evolução sequencial da margem Ebitda”, disse o diretor financeiro da Renner, Daniel dos Santos, em conferência com analistas.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

“Tendo em vista que hoje temos um novo modelo de negócios, com lojas e ecossistema digital, novos serviços, acreditamos que a geração de Ebitda vai ser superior, almejando um retorno de capital em torno de 15% a 20%”, afirmou o executivo.

“Conseguir atingir os mesmos níveis de Ebitda de 2019 é algo que é difícil dizer quando e se é possível”, acrescentou.

Apesar disso, Santos mencionou que espera encerrar o ano com Ebitda da Renner “muito próximo” do nível de 2019.

Em 2019, a Lojas Renner teve lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) de mais de R$ 1,9 bilhão, com margem de cerca de 23%. A margem da empresa no primeiro trimestre deste ano foi de 17,2%, bem acima dos 2,3% do mesmo período de 2021.

Questionado sobre o nível de investimento esperado para 2022, Santos afirmou que a expectativa é de cerca de R$ 1 bilhão.

A companhia terminou o trimestre com caixa e equivalentes de caixa e aplicações de R$ 5,66 bilhões ante R$ 2,87 bilhões em março de 2021. Questionado sobre alocação de capital, Santos afirmou que a Lojas Renner deve decidir entre agosto e setembro quais medidas vai tomar para melhorar sua estrutura de capital.

“Estamos conscientes que temos posição de caixa elevada e que é uma estrutura que pode ser melhorada. Estamos olhando nossa estratégia sobre novos negócios e eventuais novas aquisições para acelerarmos nossa construção do ecossistema (digital)”, disse o diretor financeiro.

A companhia realizou até agora 56% de um plano de recompra de ações anunciado em janeiro e Santos disse que “eventualmente” a empresa poderá aproveitar momentos de retração dos papéis para acelerar o programa.

O programa foi lançado prevendo recompra de até 18 milhões de ações, equivalentes na época 1,82% dos papéis em circulação.

Compartilhe esta publicação: