5 livros para entender o metaverso e seus impactos

Com uma estimativa de movimentar mais de R$ 2 trilhões até 2025, o ecossistema de tecnologias imersivas já acumula literatura especializada

Redação
Compartilhe esta publicação:
Reprodução

O livro Snow Crash, de 1992, cunhou o termo metaverso pela primeira vez

Acessibilidade


Muito além do projeto imersivo da Meta, o metaverso é um conceito amplo que reúne uma série de tecnologias derivadas. Além disso, essa indústria movimentará, até 2025, segundo a Boston Consulting Group (BCG), mais de R$ 2 trilhões e, atualmente, já faz circular R$ 1,3 trilhão globalmente.

Leia mais: Mais de 25% da população passará 1 hora no metaverso até 2026

Ainda de acordo com a pesquisa, quatro verticais puxarão esse crescimento: ativos virtuais como NFTs, por exemplo, software e hardware como óculos de VR e plataformas de imersão, além de aplicativos de realidade aumentada, virtual e mista. Infraestrutura de cloud e inteligência artificial também entram na conta.

Para entender o metaverso, é preciso ir além dos números e reunir algumas literaturas especializadas sobre o assunto. Veja abaixo 5 livros que ajudam a entender o metaverso e seus impactos. Entre eles, o Snow Crash, obra do escritor Neal Stephenson, onde surge o tema no ano de 1992.

  • Incrível Metaverso: O Futuro da Internet:, de Daniel Petterson

    Inscreva-se para receber a nossa newsletter
    Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.
  • Snow Crash, de Neal Stephenson

  • Step into the Metaverse, de Mak Van Rijmenan

  • Metaverse: The Visionary Guide for Beginners to Discover and Invest in Virtual Lands, de Clark Griffin

  • The Metaverse Handbook, de Quharrison Terry e Scott Keeney

Incrível Metaverso: O Futuro da Internet:, de Daniel Petterson

Compartilhe esta publicação: