Bilionário coloca mansão à venda para ajudar animais

Redação
Compartilhe esta publicação:
O bilionário David Duffield, fundador da PeopleSoft e da Workday (Divulgação)

O bilionário David Duffield, fundador da PeopleSoft e da Workday (Divulgação)

Acessibilidade


Cinquenta quilômetros a leste de San Francisco fica um paraíso dos cães. Nas dependências de Fieldhaven — propriedade do bilionário David Duffield no estilo das mansões inglesas — há um spa canino, um parque fechado para os peludos perto do jardim superior, e duas estações de lavagem de patas.

A vida do amante de cães também não é ruim: o imóvel inclui um cinema de 14 lugares, sala de bilhar, academia e adega, além da casa da árvore, à qual se chega por uma ponte suspensa de 23 metros.

RANKING: 70 maiores bilionários do Brasil em 2016

Duffield, que fundou a PeopleSoft e a Workday, levou sete anos para projetar o lugar, e morou lá até o ano passado com a esposa, Cheryl, vários filhos, sua amada schnauzer miniatura Libby e três outros cachorros. Ele decidiu voltar a morar em sua propriedade no Lago Tahoe e, em maio, sua fundação familiar pôs Fieldhaven à venda por 39 milhões de dólares.

A receita da transação irá para a Maddie’s Fund, instituição beneficente voltada para os animais fundada por Duffield em 1994 (e cujo nome homenageia outra de suas schnauzers), que receberá também grande parte de sua fortuna depois de sua morte.

A milionária propriedade Fieldhaven (Divulgação)

A milionária propriedade Fieldhaven (Divulgação)

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.
Compartilhe esta publicação: