Conheça 10 resorts de luxo para viagens super exclusivas

Stevie Mann
Existem várias propriedades em todo o mundo que são perfeitas para se ter férias isoladas, exclusivas e seguras

“Segurança é o novo luxo” é uma frase que tem sido repetida pelo setor de viagens quando se discute viajar em meio à pandemia de Covid-19. Outro termo que está em alta é o chamado “jetpooling”, ou seja, fretar o custo de um jato particular e compartilhá-lo com pessoas que você conhece, em vez de enfrentar as incertezas das viagens comerciais. Hoje, privacidade, uso exclusivo e reclusão são essenciais.

“A Virtuoso estava interessada em viagens de uso exclusivo antes mesmo da pandemia, e prevemos que o desejo de privacidade continuará a crescer”, explica Misty Belles, diretora-geral de relações públicas globais da Virtuoso, rede global de agências de viagens. “As pessoas estão ansiosas para voltar a viajar, mas o distanciamento físico não desaparecerá imediatamente, mesmo que as restrições forem diminuídas; e agora essa é a nossa nova mentalidade. Casas, cabanas e apartamentos alugados dentro de resorts e compras de imóveis são a solução perfeita para quem deseja viajar e também manter distância de outros hóspedes. Depois de tanto tempo separados, haverá um forte desejo de se reconectar com os entes queridos, principalmente os avós. Prevemos um aumento nas viagens entre famílias. Propriedades próprias e o aluguel de hotéis inteiros só para suas respectivas famílias são ideais para viagens em grupos assim.”

VEJA TAMBÉM: Inscreva-se no Canal Forbes Pitch, no Telegram, e fique por dentro de tudo sobre empreendedorismo

Amanda Teale, diretora da Minerva Private Travel & Lifestyle Management, com sede em Londres, já está planejando isso com seus clientes e, além de organizar aquisições de hotéis inteiros, lançou recentemente uma nova categoria, a Minerva Private Homes, no qual os clientes podem alugar suas casas palacianas de uns para outros: “Eles não querem alugar para estranhos”, explica ela. “Todo mundo me conhece e podemos levar uma experiência de hotel para suas casas particulares: chefs, treinador de tênis, terapeuta de spa, todos certificados e em conformidade com a Covid. Com todos os funcionários testados e prontos para permanecer no local.”

Teale oferece jatos particulares compartilhados pela primeira vez; todas as empresas de jatos particulares estão notando aumentos nos negócios. De acordo com Ron Silverman, diretor de negócios da plataforma de reserva de jato particular on demand XO, pedidos de membership para a categoria de entrada cresceram cinco vezes, já que as pessoas que nunca voaram privado estão cogitando a possibilidade.

E para onde esses viajantes devem ir? Os destinos podem mudar com base no quão bem um país está lidando com o coronavírus e se as fronteiras estão abertas aos visitantes internacionais, mas sim, existem várias propriedades em todo o mundo que são perfeitas para se ter férias isoladas, exclusivas e seguras.

  • Sweet Bocas

    É difícil ser mais privado do que esta villa de sete quartos coloridos e decorados no Caribe, conectada a uma ilha privada de 15 acres na costa do Panamá. Sua localização no arquipélago de Bocas del Toro oferece um ecossistema subaquático diversificado para snorkeling, mergulho e um ótimas ondas para surfe; os futuros surfistas podem também aprender com o profissional residente Terry Sims. Os ingredientes são todos cultivados na ilha ou provenientes das comunidades locais com as quais o resort tem uma relação educacional/de desenvolvimento. E há um iate de 30 pés para outras explorações.

  • Musha Cay Resort e as ilhas de Copperfield Bay

    A propriedade do mágico David Copperfield abrange 11 ilhas privadas, totalizando 700 acres nas ilhas Exumas, nas Bahamas, cercadas por algumas das águas mais surpreendentemente azuis do mundo. Uma das ilhas contém uma pista de pouso que permite a chegada privada. Existem 12 quartos em cinco casas separadas na ilha principal, cada uma com sua própria praia, mas se os hóspedes se cansarem, há 40 praias no total, uma variedade de barcos para alcançá-las e para praticar mergulho, snorkeling e pesca. As refeições podem ser organizadas em vários locais diferentes e acompanhadas por vinhos de uma adega de 500 garrafas.

  • Ballyfin

    A mansão mais opulenta da era da regência na Irlanda, e uma das mais isoladas, está localizada em 614 acres luxuriantes no Condado de Laois, a pouco mais de uma hora de carro de Dublin. Os grandes salões e os 20 quartos são luxuosos, cheios de arte irlandesa, antiguidades de todo o mundo e tecidos suntuosos, mas o ambiente não é formal ou rígido, como evidenciado pelo fornecimento de figurinos teatrais e pelo incentivo a se vestir neles para o jantar. Os jardins com seus extensos campos são excelentes para caminhadas, tiro com arco, tiro ao prato, cavalgadas, pesca ou passeios de barco no lago da propriedade.

  • Reserva Elang Bawah

    Localizada em 815 acres de água cristalina no arquipélago de Anambas, no leste da Indonésia, a reserva é acessível apenas por hidroavião. A coleção de seis ilhas particulares em três lagoas com 13 praias terá um aspecto ainda mais privado. A Elang, a segunda ilha a ser desenvolvida, com sete quartos localizados em seis pousadas nas falésias compostas de bambu, madeira flutuante, vidro e pedra será inaugurada em setembro. Os hóspedes podem usar as instalações da ilha principal que estará a uma rápida viagem de barco, se quiserem, mas essa ilha será independente, com seu próprio clube, restaurantes, piscina com borda infinita e spa.

  • Robertson Lodges

    A Nova Zelândia foi um dos países mais bem-sucedidos no combate à Covid-19, outras atrações habituais do país para os viajantes são: cenário sedutor, aventuras ao ar livre, um cenário próspero de vinho e comida e locais extremamente hospitaleiros. O Matakauri, com 11 quartos, perto de Queenstown, na Ilha Sul, oferece vistas espetaculares dos acidentados Alpes do Sul e passeios de helicóptero, caminhadas e barcos a jato em torno deles. O Farm, de 22 quartos, em Cape Kidnappers, perto da Baía de Hawke, oferece caminhadas e passeios a cavalo pela propriedade de 6.000 hectares, uma experiência culinária de elite em uma famosa região vinícola e um campo de golfe de classe mundial. O Kauri Cliffs, com 23 quartos, na ponta noroeste da Ilha Norte, oferece vistas panorâmicas sobre o Pacífico, um campo de golfe de classe mundial e uma introdução à cultura maori.

  • Deplar Farm by Eleven Experience

    A Islândia foi outro país que conteve o vírus com sucesso e este chalé independente de 13 quartos em uma antiga fazenda de ovelhas no norte do vale Fljot, está situado em um local para aproveitar as atrações naturais do país. No verão e no outono, há pesca com mosca no rio Fljótaá, nas proximidades, de salmão e truta do ártico; no inverno, geleiras congeladas e caminhadas na neve, além de vistas da aurora boreal. Além disso, você pode aproveitar a piscina geotérmica e a cozinha elevada do chef do ano em 2018 da Islândia.

  • Masseria Trapana

    Esta fazenda de pedra cuidadosamente restaurada que remonta ao século 16, localizada nos arredores da cidade de Lecce, na região sul da Itália, só está disponível como arrendamento exclusivo. As dez suítes são espaçosas e decoradas com simplicidade rústica e elegante, assim como as salas comuns. E, para aqueles que querem um tempo longe um do outro, os terrenos de 148 acres são divididos em seis jardins separados, cada um pontilhado de laranjeiras e limoeiros; ou ameixeiras no jardim em que está a piscina. Os hóspedes que quiserem aprender a preparar os pratos apulianos da terra servidos aqui também podem ter aulas de culinária com o seu próprio chef.

  • The Brando

    Várias famílias já organizaram visitas a este resort na Polinésia Francesa, a antiga residência de Marlon Brando no atol de Tetiaroa, a 20 minutos de Papeete. É bastante grande: 35 villas em configurações de um, dois e três quartos e em um ambiente digno de seu status anterior de refúgio para a realeza polinésia: água turquesa cercada por um recife de coral rico povoado por 167 espécies de peixes multicoloridos com visitas de golfinhos, baleias e tartarugas Embora o cenário possa ser descontraído, os esforços culinários são sérios: os três restaurantes servem cozinha francesa clássica, pratos polinésios e os favoritos japoneses de teppanyaki.

  • La Chartreuse de Cos d’Estournel

    O castelo na região norte de Médoc, em Bordeaux, pertence a Michel Reybier, o proprietário dos hotéis La Reserve. Claro, a decoração, os serviços prestados e a localização são os melhores do mundo. Situado em uma vinha de 200 acres que produz bons vinhos disponíveis para os hóspedes degustarem da adega, o palácio de oito quartos apresentam decoração do famoso designer Jacques Garcia, misturando antiguidades europeias com tapeçarias asiáticas, além de piscinas internas e externas e um hammam para experiências. A equipe também pode levar os visitantes para um passeio em Arcachon (conhecido por suas ostras) em um barco tradicional de pinasse além de outras vinhas da região.

  • Beyond Mnemba Island

    Não é um lugar fácil de chegar, mas é absolutamente privativo uma vez que se está lá. A ilha com 12 cabanas na costa de Zanzibar é a última palavra em luxo praiano: o resort é construído sobre areia e, a partir do momento em que você pousa, está andando nele. A ilha, com menos de uma milha de tamanho, é cercada por um atol com ricos recifes de coral para snorkeling e mergulho, com os únicos visitantes externos sendo tartarugas chegam à praia branca para pôr seus ovos. Mas, por mais simples que seja a experiência geral, os detalhes individuais são sofisticados, desde a complexa escultura em madeira feita pelos artesãos de Zanzibar passando pelas villas até as criações culinárias que usam e ingredientes locais e são servidas à luz de velas na praia.

Sweet Bocas

É difícil ser mais privado do que esta villa de sete quartos coloridos e decorados no Caribe, conectada a uma ilha privada de 15 acres na costa do Panamá. Sua localização no arquipélago de Bocas del Toro oferece um ecossistema subaquático diversificado para snorkeling, mergulho e um ótimas ondas para surfe; os futuros surfistas podem também aprender com o profissional residente Terry Sims. Os ingredientes são todos cultivados na ilha ou provenientes das comunidades locais com as quais o resort tem uma relação educacional/de desenvolvimento. E há um iate de 30 pés para outras explorações.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Inscreva-se no Canal Forbes Pitch, no Telegram, para saber tudo sobre empreendedorismo.

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).