Hermès cria relógio com meteorito encontrado em Nova York

Divulgação
Divulgação

Edição limitada terá apenas 16 peças que custarão quase US$ 70 mil cada

O Hermès Arceau L’heure de la Lune foi um sucesso quando foi lançado em 2019, a ponto de levar o prêmio Grand Prix d’Horlogerie de Genève, na categoria Relógio de Astronomia, no mesmo ano. Agora existe uma versão – com edição limitada a 16 peças – que traz um ponteiro feito de um meteorito encontrado na cidade de Nova York.

O fragmento de matéria sólida foi descoberto por alguém em um barco de pesca, puramente por acaso. O capitão da embarcação o vendeu em 1965 para uma pessoa física de Nova York e, a partir daí, caiu no esquecimento por décadas. Em 2008, o filho do comprador, Mark Grubb, contatou o caçador de meteoritos Luc Labenne, que decidiu comprar a peça de 2,95 kg. Labenne o analisou e nomeou oficialmente como “meteorito de Nova York”. Depois disso, ele foi adquirido pela Hermès e usado para esta peça de edição limitada.

LEIA MAIS: Bulgari homenageia o período barroco com seu novo trio de relógios de alta joalheria

As fases da lua são uma das complicações mais poéticas dos relógios, mas esta realmente é única. Em vez do disco aberto clássico girando sobre uma abertura lunar fixa no mostrador, há duas luas fixadas sob os ponteiros que giram em torno delas para indicar o aumento e diminuição de cada uma. Há uma lua para cada um dos hemisférios – norte e sul. A orbe do sul é adornada com um Pégaso, o cavalo alado que, segundo a Hermès, “sugere a passagem entre dois mundos, onde magia e realidade se fundem”.

Os ponteiros de exibição de hora e data giram uma vez a cada 59 dias para revelar a lua – conforme giram lentamente, cobrem e descobrem as luas para indicar a fase atual. O mecanismo é o Hermès Manufacture H1837 com um módulo proprietário de fase da lua de 100 componentes feito por Jean-François Mojon, cuja empresa de mecanismo de relógios na Suíça, a Chronode SA, é especializada em complicações.

Quando foi lançado, o mostrador do Arceau L’heure de la Lune estava disponível com pedaços de meteorito (embora não com o “meteorito de Nova York”) ou com pedras de aventurina, com ponteiros laqueados em uma edição limitada de 100 peças cada. A versão com o meteorito de Nova York vem em uma caixa de platina de 43 mm com ponteiros de madrepérola e custará US$ 69.950.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).