Como conseguir viagens mais baratas usando o Google Voos

As pessoas estão viajando mais agora do que desde o início da pandemia, mas muitas estão enfrentando custos mais altos de voos

Katherine Huggins
Compartilhe esta publicação:
Greg Bajor/Getty Images
Greg Bajor/Getty Images

O preço das passagens domésticas subiram 22% em maio em relação ao mesmo período de 2019, disse a Anac

Acessibilidade


Com a maioria dos países deixando o requisito dos testes de covid de lado e a maior proximidade entre o dólar e o euro vista nos últimos 20 anos, agora pode parecer o momento certo para planejar férias para a Europa.

As pessoas estão viajando mais agora do que desde o início da pandemia, mas muitas estão enfrentando custos mais altos de voos, tanto para dentro do país, como para fora.

De acordo com dados da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), em maio deste ano a passagem aérea nacional chegou a ser comercializada a um preço médio de R$ 682,60. O número é 22% superior ao valor praticado no mesmo mês de 2019, ano que antecedeu a pandemia de Covid-19.

No acumulado de 2022, o valor médio da tarifa aérea foi de R$ 605,04, o que mostra um aumento de 21,8% na comparação com três anos atrás, quando o valor médio ficou em R$ 496,19.

Segundo os indicadores de tarifas aéreas publicados na última terça-feira (19) pela agência, um dos principais motivos é a alta do querosene de aviação (QAV), que acumulou um avanço de 59% entre janeiro e maio deste ano. Mas, ainda podem ter passagens baratas no mercado.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Os voos mais baratos aparecem quando você tem muita flexibilidade sobre quando e para onde gostaria de ir.

Confira algumas dicas para usar o Google Voos ao seu favor:

Ao visitar o Google Voos em seu navegador, você verá automaticamente o formato de reserva de voo padrão, mas o segredo está na guia “explorar” à esquerda.

A partir daí, você vai querer mudar “ida e volta” para “só ida” (confie em mim, você encontrará melhores ofertas dessa maneira) e entrar na cidade de onde você está voando (se você mora em uma cidade menor, também é recomendado verificar os principais aeroportos perto de você – às vezes o preço do voo vale a distância extra). O parâmetro de pesquisa padrão é de voos a serem realizados nos próximos seis meses.

Em seguida, clique em todos os filtros e role para baixo até “preço”, pensando em um valor que seja confortável para o seu bolso.

Na categoria “viagem”, também no canto esquerdo, selecione “somente voos”. Para o seu bem, também é recomendado selecionar “1 parada ou menos” na categoria paradas e filtrar a duração do voo para menos de 15 horas. Mas essas preferências, claro, dependem totalmente de você e do que você está disposto a suportar.

Leia mais: Veja as melhores companhias aéreas do mundo em 2022

Usando o método descrito acima (incluindo os filtros de uma parada ou menos e 15 horas ou menos), você verá várias opções de voo aparecerem. À medida que você aumenta o zoom, mais opções provavelmente aparecerão.

Clique no destino de seu interesse e depois em “Ver voos”. Em seguida, ele mostrará a data, hora e companhia aérea desse preço. Se essa data não funcionar – sem alterar nenhum dos filtros – clique na data listada no canto superior direito e um calendário aparecerá que provavelmente mostrará preços comparáveis para outras datas.

Se suas datas não são tão flexíveis, mas seu destino é:

Obviamente, muitas pessoas não podem viajar sempre que há um bom negócio, então aqui está o que você pode fazer se quiser viajar durante um mês ou semana específico.

Siga todas as etapas acima, exceto clicar em “viagem nos próximos seis meses” e alterá-lo para o mês em que deseja ir ou se tiver uma data/semana específica em mente, clique em “datas específicas” no canto superior esquerdo.

Se você tem um destino em mente, mas é flexível com as datas:

Se você tem um destino específico que deseja ir, mas tem datas flexíveis, é bom fazer algo um pouco diferente.

Em vez de olhar para os voos partindo de onde você mora, olhe para os voos saindo de onde você quer ir. Por exemplo, digamos que você realmente queira ir para Santorini, na Grécia. Preencha as informações da mesma forma descrita anteriormente, mas mude o local de partida Santorini em vez de sua cidade natal.

Agora, você pode ver que geralmente há voos baratos entre Santorini e Veneza, Roma, etc. Sabendo que grandes capitais como Roma são os maiores hubs e geralmente têm voos mais acessíveis, você pode planejar uma viagem para este local e depois adicionar um voo para Santorini, o que torna o processo mais barato.

Conselho final:

Sim, existem alguns voos baratos por aí, mas use os filtros para evitar longas escalas e voos reservados em várias companhias aéreas (raramente vale o risco de uma conexão perdida ou cancelamento de voo). No entanto, na questão das longas escalas, elas podem ser divertidas se você planejar para elas.

Se você quiser passar um dia em uma cidade diferente durante suas viagens, uma escala pode ser uma boa maneira de voar para lá essencialmente de graça.

Por fim, lembre-se de que algumas dessas tarifas baratas acabam cobrando mais por bagagem, seleção de assentos e outras opções incluídas no preço de outros voos. Fique atento às políticas de reembolso e reagendamento.

Quando se trata de operadoras de baixo custo, geralmente não vale a pena optar pela tarifa mais básica; você quer algo que o proteja pelo menos um pouco se o seu voo for cancelado ou você precisar reagendar.

Compartilhe esta publicação: