Ibovespa fecha em baixa de 0,92%

Reuters
O Ibovespa recuou 0,92%, a 95.045,43 pontos

A bolsa paulista encerrou em queda hoje (24), pressionada por atrasos na tramitação da proposta de reforma da Previdência em relação à expectativa de aprovação neste semestre. O movimento também foi influenciado por tom negativo no exterior.

LEIA MAIS: Ibovespa fecha em alta

Índice de referência do mercado acionário brasileiro, o Ibovespa recuou 0,92%, a 95.045,43 pontos. O giro financeiro da sessão somou R$ 14 bilhões.

“Ontem (23), o mercado subiu forte apoiado na expectativa de aprovação do texto (da Previdência) na CCJ e hoje tivemos uma realização de lucros”, afirmou economista-chefe da consultoria independente de investimentos Levante, Felipe Bevilacqua.

Na noite de terça, a CCJ da Câmara considerou, por 48 votos a 18, constitucional a proposta de reforma da Previdência do governo, após acordo para retirar trechos do texto. A proposta segue para comissão especial da Câmara.

Nesta quarta-feira, a líder do governo no Congresso, deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), admitiu que diante dos atrasos na tramitação da proposta está ficando “um pouco apertado” aprovar a reforma da Previdência no Congresso no primeiro semestre, mas destacou que ainda existe essa possibilidade.

As principais praças no exterior também encerraram em baixa, um dia após os principais índices de Wall Street atingirem patamares recordes.


Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).