Economia não pode parar por coronavírus, diz Bolsonaro a empresários

GettyImages/ Andre Coelho
O presidente Jair Bolsonaro desmentiu decisões de autoridades locais que visam o fechamento de aeroportos ou estradas e frisou que a economia brasileira não pode parar

O presidente Jair Bolsonaro afirmou hoje (20), em videoconferência com representantes da iniciativa privada sobre a pandemia de coronavírus, que a economia brasileira não pode parar.

Bolsonaro frisou que não procedem “decisões” de autoridades locais que visam o fechamento de aeroportos ou estradas, porque teriam enorme impacto econômico.

LEIA MAIS: Coronavírus força varejistas brasileiras a fechar portas e dobrar apostas no comércio eletrônico

“A economia não pode parar. Afinal de contas, não basta termos meios, se não tivermos como levá-los ao local onde serão usados, bem como os profissionais têm também que se fazer presentes nesses locais”, disse o presidente.

Bolsonaro iniciou a videoconferência após o Ministério da Economia anunciar corte na projeção de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) de 2020 a 0,02%, ante alta de 2,1% indicada há dez dias, numa mostra da rápida deterioração das expectativas em meio ao avanço do coronavírus e seu dramático impacto na economia.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).