Musk promete chip de condução autônoma em 6 meses

CEO da Tesla disse que piloto automático deve melhorar até 2.000%.

Redação, com Reuters
Compartilhe esta publicação:
Arnd Wiegmann/Reuters
Arnd Wiegmann/Reuters

Anúncio do piloto automático da Tesla em Zurique, Suíça, 28/05/2018

Acessibilidade


O presidente-executivo da Tesla, o sul-africano Elon Musk, disse que um novo chip que melhora os recursos do piloto automático estará disponível em cerca de seis meses na nova produção de carros elétricos da empresa. A instalação do chip custará US$ 5 mil para aqueles que não encomendaram carros com direção completamente autônoma.

LEIA MAIS: CVM americana processa Elon Musk, que perde US$ 1,1 bi

Em uma série de publicações no Twitter, Musk disse que “cerca de seis meses antes (do lançamento), os novos chips estarão em toda a nova produção de carros. Não haverá nenhuma mudança para os sensores. Isto é apenas a substituição do computador Autopilot, que será feito gratuitamente para aqueles que pediram (recursos) de direção completamente autônoma”.

Musk também tuitou que o novo chip melhoraria o desempenho do piloto automático da Tesla entre 500% e 2.000%.

O piloto automático da Tesla é um sistema de assistência ao motorista que assume algumas tarefas de direção e permite que os condutores tirem as mãos do volante. A montadora diz que os motoristas devem manter as mãos no volante em todos os momentos ao usar o sistema.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Compartilhe esta publicação: