Como Adam Neumann fez a WeWork perder US$ 39 bilhões em um ano


A série de passos errados que tirou o cofundador do posto de CEO e provocou milhares de demissões.

Redação
Compartilhe esta publicação:
Reprodução
Reprodução

Série de passos errados tirou Adam Neumann do posto de CEO da WeWork e provocou milhares de demissões

Acessibilidade


Se algo parece bom demais para ser verdade, provavelmente é. O cofundador da WeWork, Adam Neumann, provou dessa máxima em 2019.

No período de um ano, a empresa foi de uma avaliação de mercado de US$ 47 bilhões para menos de US$ 8 bilhões após sua oferta de ações públicas dar errado.

A repórter Samantha Sharf explica os passos equivocados de Neumann que resultaram na sua queda do posto de CEO e em milhares de empregos cortados.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: