JBS anuncia compra de empresa australiana de carne suína Rivalea por US$135 milhões

Com a aquisição, a companhia assume a liderança no processamento de suínos na Austrália.

Redação
Compartilhe esta publicação:
Nenov/Getty Images
Nenov/Getty Images

Com a aquisição da Rivalea, responsável por 26% da carne de porco na Austrália, JBS assume a liderança dos suínos no país

Acessibilidade


A JBS anunciou hoje (8) um acordo para comprar a processadora de carne suína australiana Rivalea, da empresa listada de Cingapura QAF, negócio avaliado em um total de 175 milhões de dólares australianos, ou US$ 135 milhões.

Em comunicado ao mercado, a JBS disse que a Rivalea é líder na criação e processamento de carne suína na Austrália, responsável por 26% do processamento dessa carne no mercado local, e que com a operação diversificará seus produtos no país.

LEIA MAIS: Forbes Radar: Iguatemi, CVC, JBS, Vale e outros destaques corporativos

“Com a aquisição da Rivalea, a JBS assume a liderança no processamento de suínos na Austrália. Adicionamos marcas importantes ao nosso portfólio e criamos melhores condições para acelerar o crescimento dos negócios de valor agregado e marca no país, além de fortalecer a nossa plataforma de exportação”, disse em nota o CEO Global da JBS, Gilberto Tomazoni.

A operação envolverá a compra pela JBS de 100% da Rivalea Holdings Pty e 100% da Oxdale Dairy Enterprise junto à QAF.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

A Rivalea tem faturamento anual de aproximadamente 400 milhões de dólares australianos (US$ 310 milhões) e geração de caixa medida pelo Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) de 37 milhões de dólares australianos, informou a JBS no comunicado.

A empresa australiana possui duas unidades fabris e mais de mil colaboradores.

A aquisição está sujeita a aprovações regulatórias, incluindo por órgão de defesa do consumidor e da competição na Austrália, acrescentou a JBS. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: