Bradesco aprova emissão de R$ 500 milhões em títulos verdes; veja os destaques do Forbes Radar

Últimas notícias sobre: Neogrid, Sinqia, Equatorial, Cury, Eternit e PetroRecôncavo.

Vitória Fernandes
Compartilhe esta publicação:

Acessibilidade


No Forbes Radar de hoje (19), o Bradesco informou que irá emitir seu primeiro título atrelado a critérios socioambientais, totalizando US$ 500 milhões.

O conselho de administração da Neogrid aprovou programa de recompra de até 8,5 milhões de ações.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

Confira os destaques:

Bradesco (BBDC4)

O Bradesco informou que irá emitir seu primeiro título verde atrelado a critérios socioambientais, no valor de US$ 500 milhões.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Segundo o documento enviado ao mercado, trata-se de uma captação internacional sustentável de dívida sênior, com prazo de 60 meses e cupom de 4,375% ao ano.

Neogrid (NGRD3)

O conselho de administração da Neogrid aprovou programa de recompra de até 8,5 milhões de ações.
De acordo com a empresa, as ações serão recompradas a preço de mercado e o programa terá a vigência de 18 meses.

Sinqia (SQIA3)

A Sinqia anunciou ontem a compra do controle da gestora de riscos para administração de recursos Lote45.

Pelos termos da operação, a companhia pagará R$ 79,5 milhões em dinheiro para ficar com 52% do capital da Lote45, sendo que uma parcela adicional poderá ser paga dependendo da receita líquida de 2022. Haverá a opção de adquirir os outros 48% em até cinco anos.

Criada em 2006, a Lote45 tem cerca de cem clientes com aproximadamente R$ 1 trilhão em ativos sob gestão monitorados pelo sistema da companhia. A Sinqia já fez 23 aquisições desde 2005.

Equatorial (EQTL3)

A Equatorial avalia realizar eventual oferta pública com esforços restritos de distribuição de ações ordinárias, afirmou a companhia em fato relevante divulgado ao mercado

A empresa já iniciou o processo de engajamento de instituições financeiras.

Cury (CURY3)

A Cury Construtora divulgou a sua prévia operacional do 4º trimestre de 2021, na qual informou R$ 788 milhões em lançamentos e R$ 611,4 milhões em vendas líquidas.

Eternit (ETER3)

A Eternit afirmou que foi aprovada pelo conselho de administração a ampliação de capacidade da unidade de Manaus, para 18.000 toneladas ao ano de fibra de polipropileno (PP), com investimento previsto de R$ 24 milhões.

De acordo com o documento enviado ao mercado, a conclusão do projeto de ampliação da unidade em cerca de 40% da capacidade atual está prevista para o final de 2023.

PetroRecôncavo (RECV3)

A PetroReconcavo divulgou seus dados de produção preliminares e não auditados do mês de dezembro de 2021.

A produção atingiu 13,6 mil barris de óleo equivalente por dia (boepd) no 4º trimestre de 2021, aumento de 11,4% na comparação com o mesmo período de 2020.

Já a produção de dezembro atingiu 17.138 boepd, alta de 39,6% na comparação com novembro.(Com Reuters)

Compartilhe esta publicação: