Bolsa de Valores hoje: Ibovespa opera em alta apoiado em Vale e Petrobras

O mercado também aguarda o início da temporada local de balanços trimestrais nesta semana.

Isabella Velleda
Compartilhe esta publicação:

Getty Images

Acessibilidade


O Ibovespa opera em alta de 0,64%, a 112.858 pontos, às 14h08 de hoje (1º). As ações da Vale (VALE3) e da Petrobras (PETR3 e PETR4) apoiam o índice, registrando avanços de mais de 2%, na esteira da alta dos preços do minério de ferro e do petróleo no exterior.

Hoje, a atenção dos investidores se volta para a reunião de política monetária do Banco Central, que começou nesta tarde e terminará amanhã (2). A reunião deve resultar na elevação da Selic, taxa básica de juros, em 1,5 ponto-percentual, para 10,75% ao ano.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

O mercado também aguarda o início da temporada local de balanços trimestrais nesta semana, assim como a volta das atividades no Congresso Nacional.

Em Wall Street, as bolsas operam em alta, mas com volatilidade. Às 14h08, o Dow Jones subia 0,08% a 35.158 pontos, o S&P 500 ganhava 0,07% a 4.518 pontos, e o Nasdaq avançava 0,19% a 14.266 pontos.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

A fabricante de carros elétricos Tesla (TSLA) registra queda de 0,12%, após anunciar o recall de quase 54 mil veículos. Já a Microsoft (MSFT) cai 1,11%, depois de uma reportagem afirmar que a FTC (Comissão Federal de Comércio dos EUA) revisará o acordo de US$ 68,7 bilhões da empresa com a Activision Blizzard.

Investidores também digerem os dados macroeconômicos divulgados mais cedo, que mostraram que as vagas de emprego em aberto nos Estados Unidos aumentaram para níveis quase recordes em dezembro, e que os gastos com construções ficaram abaixo do esperado no mesmo período.

No mesmo horário, o dólar era negociado em queda de 0,46%, a R$ 5,2808 na venda.Juros mais altos no Brasil tendem a beneficiar a divisa local, uma vez que tornam a rentabilidade do mercado de renda fixa doméstico mais atraente para investidores estrangeiros. (Com Reuters)

Compartilhe esta publicação: