Tesla iniciará entregas de veículo produzido na China em 7 de janeiro

ReutersConnect/Yilei Sun
ReutersConnect/Yilei Sun

O gerente geral da Tesla disse que a empresa dobrará o número de centros de serviços no país em 2020

A Tesla entregará os primeiros sedãs Model 3 fabricados na China ao público em 7 de janeiro em um evento na fábrica da companhia em Xangai, disse um representante da empresa à Reuters hoje (2).

LEIA MAIS: Elon Musk lança nova caminhonete futurista da Tesla

A fábrica de Xangai faz parte dos planos da montadora do Vale do Silício para reforçar sua presença no maior mercado automotivo do mundo e minimizar o impacto da guerra comercial EUA-China.

Quinze funcionários da Tesla que compraram o carro foram os primeiros a receber os veículos na segunda-feira (30), depois que as primeiras unidades montadas na China saíram da linha de produção em outubro.

As entregas ocorrem um ano após o início da construção da única fábrica da Tesla fora dos Estados Unidos. A produção começou em outubro, com uma meta de 250 mil veículos por ano, assim que o Model Y for adicionado à linha

O Model 3 custa 355.800 iuanes (US$ 50 mil) antes de subsídios. A Tesla disse anteriormente que queria iniciar as entregas antes do ano novo chinês, que acontece a partir de 25 de janeiro.

O gerente geral da Tesla na China, Wang Hao, disse que a empresa planeja iniciar as entregas do Model 3 em janeiro.

Os executivos da Tesla também disseram a repórteres que a fábrica alcançou uma meta de produção de 1.000 unidades por semana, ou cerca de 280 carros por dia, e que as vendas do veículo produzido na China até agora são “muito boas”.

LEIA TAMBÉM: Tesla Model X recebe 5 estrelas de agência europeia de segurança

Hao disse que a empresa dobrará o número de centros de serviços e estações de carga rápida na China em 2020.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).