10 perfis inspiradores para seguir no Instagram

Eles dão verdadeiras aulas de carreira, negócios e empreendedorismo por meio de suas publicações.

Antonio Camarotti
Compartilhe esta publicação:
Forbes
Forbes

Edu Lyra, Djamila Ribeiro e Nizan Guanaes são alguns dos destaques da rede

Acessibilidade


“Diga-me quem segues e te direi quem és.” Segundo uma pesquisa do Ibope Inteligência, a máxima já vale para as redes sociais. O estudo “O Brasil e os Influenciadores Digitais” mostra que 52% dos brasileiros seguem pelo menos um influencer nas mídias sociais e 35% afirmam que já foram influenciados por alguma indicação vinda desses perfis.

A escolha entre os milhões de perfis disponíveis na rede não é uma tarefa fácil – afinal, eles trazem mensagens capazes de nos influenciar muito além do mundo virtual.

LEIA MAIS: 11 perfis de executivos no Instagram que são verdadeiras aulas para quem quer evoluir na carreira e nos negócios

Por isso, todas as semanas vou indicar pessoas inspiradoras, que desenvolvam um conteúdo de qualidade e façam valer a pena o tempo passado na frente do celular. São empresários, ativistas, empreendedores e outros profissionais que se destacam por suas ideias e trajetórias. É o caso de Djamila Ribeiro, filósofa que escreveu obras como “O Que é Lugar de Fala”, “Quem Tem Medo do Feminismo Negro?” e “Pequeno Manual Antirracista” – juntos, seus livros já venderam mais de 500 mil exemplares, segundo a Companhia das Letras. Ou o de Louise Barsi, que aos 26 anos atua como analista des investimentos certificada pelo CNPI (Certificado Nacional do Profissional de Investimento) e usa a página para ajudar quem está começando a investir.

Veja, na galeria abaixo, 10 perfis inspiradores para seguir no Instagram:

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.
  • Camila Farani (@camilafarani), CEO e fundadora da G2 Capital

    857 mil seguidores

    Investidora no “Shark Tank”, presidente da G2 Capital e colunista na Forbes, Camila Farani acumula quase 1 milhão de seguidores na rede. Com uma maneira descontraída de falar sobre o mercado, a empresária publica desde “memes” sobre empreendedorismo até conselhos e textos motivacionais para quem sonha em ter um negócio próprio. Temas como relacionamento com o cliente, estratégias de crescimento e postura de liderança fazem parte das pautas do seu perfil.

    Divulgação
  • Daniel Castanho (@danielfcastanho), presidente do conselho da Ânima Educação

    14,2 mil seguidores

    Daniel Castanho é o fundador e atual presidente do conselho da Ânima Educação, uma das maiores organizações educacionais privadas de ensino superior do Brasil. Em sua rede, discute as particularidades do ensino no país e aborda o tema do ponto de vista do mercado. O empresário também mantém alguns destaques salvos nos stories para falar sobre as suas reflexões acerca do tema e da liderança.

    Reprodução/LinkedIn
  • Djamila Ribeiro (@djamilaribeiro1), filósofa e escritora

    1,1 milhão de seguidores

    A página de Djamila Ribeiro é uma aula sobre as dinâmicas sociais brasileiras e a luta contra o racismo. Autora de “Pequeno Manual Antirracista”, a filósofa ganhou popularidade graças a suas obras acadêmicas e seu ativismo digital. Em seu perfil é possível encontrar comentários sobre fatos recentes que apareceram na mídia, bem como a explicação de conceitos relacionados a minorias étnicas e ao feminismo.

    Victor Affaro
  • Edu Lyra (@edulyragf), fundador do Gerando Falcões

    127 mil seguidores

    À frente do Gerando Falcões, um ecossistema de desenvolvimento social que atua com o objetivo de dar fim à pobreza das comunidades, Edu Lyra usa sua página para compartilhar o avanço da organização. Além de publicar números e parcerias, o empreendedor social – que foi destaque na primeira lista Under 30 realizada no Brasil – também posta algumas frases reflexivas sobre a vida na favela e em outros locais marginalizados do país.

    Andressa Silva/Divulgação
  • Isabela Matte (@isabelamatte), CEO da Isabela Matte Store

    648 mil seguidores

    Isabela Matte tinha 20 anos quando apareceu na lista dos Under 30, em 2019. Hoje, além de comandar a marca de roupas que leva o seu nome, a empresária dá cursos de marketing de conexão para quem quer alavancar a própria marca na internet – da mesma forma que ela mesma fez aos 14 anos, quando conquistou o primeiro milhão. Assim, seu perfil é quase um portfólio de dicas para crescer nas redes sociais e destacar o seu negócio.

    Divulgação
  • João Appolinário (@joaoappolinario), fundador e presidente da Polishop

    641 mil seguidores

    A página de João Appolinário, fundador e presidente da Polishop, é quase integralmente preenchida por conteúdos que remetem ao mundo dos negócios. O empresário compartilha suas participações em lives, aulas, programas de TV e também as movimentações relacionadas à empresa. Por fim, ainda sobra espaço para dicas de liderança e de empreendedorismo.

    Renato Pizzuto
  • Louise Barsi (@louise.barsi), fundadora do AGF (Ações Garantem o Futuro)

    187 mil seguidores

    Aos 26 anos, Louise Barsi é economista, analista de investimento certificada pelo CNPI (Certificado Nacional do Profissional de Investimento) e uma das fundadoras da companhia de educação digital AGF (Ações Garantem o Futuro), além de ter sido eleita Under 30 pela Forbes. Filha de Luiz Barsi, um dos mais reconhecidos investidores pessoa física da bolsa de valores, a jovem utiliza parte das suas publicações nas redes sociais para explicar o funcionamento do mercado e dar dicas para quem está iniciando nesse setor. Ela também abre espaço para que os seguidores enviem suas dúvidas.

    Reprodução/Instagram
  • Nizan Guanaes (@nizan_n.ideias), estrategista de comunicação e embaixador da Boa Vontade pela UNESCO

    134 mil seguidores

    Ex-sócio e cofundador do Grupo ABC de Comunicação, Nizan Guanaes trabalha atualmente como estrategista de comunicação de empresas brasileiras e é reconhecido como embaixador da Boa Vontade pela UNESCO. Em seu perfil no Instagram, o empresário reflete sobre os mais variados assuntos – de educação, investimentos e ciência até causas sociais e as Olimpíadas. Também tira um tempo para publicar vídeos – sejam palestras ou programas de tv – e compartilhar suas percepções como especialista da área de comunicação e marketing.

    Francois G Durand/Getty Images
  • Rony Meisler (@rony), cofundador da Reserva e CEO da Ar&Co.

    220 mil seguidores

    Rony Meisler é cofundador da Reserva e CEO da Ar&Co, conglomerado fashion que engloba a marca Arezzo. Em seu perfil, fala desde como manter a determinação e o foco nos resultados até sobre tópicos sociais, como casos de machismo e lgbtfobia. Ainda há espaço para um toque de humor e publicações de conotação mais pessoal.

    Divulgação
  • Sandra Chayo (@sandrachayo), CEO da Hope

    5.975 mil seguidores

    Sandra Chayo usa o espaço das redes para mostrar os bastidores da empresa e contar as novidades da marca – de movimentações estratégicas até novas linhas de produtos. No meio disso tudo, ainda faz publicações sobre a história da Hope e o mundo dos negócios.

    Divulgação

Camila Farani (@camilafarani), CEO e fundadora da G2 Capital

857 mil seguidores

Investidora no “Shark Tank”, presidente da G2 Capital e colunista na Forbes, Camila Farani acumula quase 1 milhão de seguidores na rede. Com uma maneira descontraída de falar sobre o mercado, a empresária publica desde “memes” sobre empreendedorismo até conselhos e textos motivacionais para quem sonha em ter um negócio próprio. Temas como relacionamento com o cliente, estratégias de crescimento e postura de liderança fazem parte das pautas do seu perfil.

Antonio Camarotti é Publisher e CEO da Forbes no Brasil


Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: