Microsoft aprimora Surface de olho no mercado corporativo

Divulgação
Hub 2S conta com tela de 50 polegadas mais fina e leve

Resumo:

  • A Microsoft anunciou um novo dispositivo da linha Surface, de laptops híbridos que combinam computador e tablet: o Hub 2S;
  • O dispositivo, cujo preço começa na faixa dos US$ 9 mil, tem uma tela de 50 polegadas, com resolução de 3840×2560 pixels, e é mais fino e leve;
  • A maior mudança do Hub 2S é sua portabilidade, que foi possível por meio de uma parceria da Microsoft com a empresa Steelcase.

Nesta semana, a Microsoft atualizou sua linha de dispositivos Surface (laptop híbrido, que combina computador e tablet) com o lançamento do Microsoft Surface Hub 2S. O aparelho é tão grande que precisa de rodas – você realmente não vai querer saber quanto custa a bateria externa -, chamando atenção para os esforços que a equipe de hardware da empresa está fazendo com clientes corporativos.

LEIA MAIS: Microsoft anuncia novo console

Em termos de especificações, o Surface Hub 2S tem muito a oferecer. A tela de 50 polegadas tem uma resolução de 3840×2560 pixels e é mais fina e leve (em 60% e 40%, respectivamente). O equipamento tem um processador Core i5 de oitava geração da Intel, 8 GB de memória RAM, 128 GB de armazenamento e chipset gráfico UHD 620. O preço do laptop começa na faixa dos US$ 9 mil.

É possível presumir que muitos dos recursos adicionados ao Surface Hub nessa atualização têm como base o feedback dos usuários. A maior mudança no Hub 2S é sua portabilidade. Por meio de uma parceria com a empresa Steelcase, o aparelho tem um cavalete móvel para apoiar a tela touch, que pode ser utilizado em qualquer superfície, além de poder adicionar uma bateria extra para manter tudo funcionando.

O objetivo da empresa com a novidade é ter o Hub como um dispositivo central e garantir que seu software local – assim como o que fica baseado na nuvem – esteja conectado a outros equipamentos.

Embora execute o Windows 10, o Hub tem uma versão personalizada do Windows 10 Enterprise, chamada Windows 10 Team. Ao mesmo tempo que consegue executar aplicativos comuns do Windows 10 (incluindo a extensa gama de apps baseados na nuvem da Microsoft, incluindo Office, Teams e One Note), a linha Hub tem como pontos principais colaboração, plataforma de reuniões e quadro branco digital – que serão incorporados em outros dispositivos com Windows 10.

A Microsoft gostaria que seus clientes corporativos integrassem outros produtos Surface aos equipamentos no ambiente de trabalho. Se o seu escritório tiver um único Surface Hub, provavelmente haverá um efeito cascata pela adoção de outros dispositivos da companhia, como o Surface Studios e uma combinação das máquinas Surface Book, Surface Pro, Surface Laptop e Surface Go.

Mas, ao contrário do Surface Go, voltado para consumidores, ou do Surface Laptop, voltado ao mercado de educação, o Surface Hub 2S atende a todos os gostos. Dispositivos com Windows 10 podem ser interconectados por meio do Microsoft Teams ou do compartilhamento colaborativo de documentos, mas é o Hub que pode reuni-los em um ambiente corporativo.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).