Checar os e-mails depois do expediente pode ser pior do que você imagina

Nuthawut Somsuk/Getty Images
Nuthawut Somsuk/Getty Images

A sensação de se manter alerta 24 horas por dia causa cansaço, estresse e ansiedade

A pandemia ofuscou os limites entre o trabalho e a vida pessoal. Um estudo realizado nesse período descobriu que 70% dos funcionários em regime de home office permaneciam online nas plataformas da empresa durante os fins de semana.

Isso significa que os e-mails permanecem com suas caixas de entrada lotadas durante 24 horas, sete dias por semana e, que além disso, muitos profissionais não resistem à tentação de abri-los mesmo durante a madrugada. Ninguém quer trabalhar demais, mas é difícil evitar quando sabemos que essas mensagens podem ter sido enviadas pelo chefe. Portanto, se você é um líder, não subestime sua influência sobre os demais membros da equipe! Não importa o que você diga, é o que você faz que faz a diferença.

LEIA MAIS: 11 aplicativos para dar um gás na produtividade

Enviar apenas um e-mail fora do expediente pode causar uma cascata de efeitos negativos para você, para o destinatário da mensagem e até mesmo para as famílias.

REDEFINA HÁBITOS

Muitos profissionais já voltaram para os escritórios pelo menos algumas vezes desde o início da pandemia, e, com isso, puderam notar a dificuldade de redefinir seus hábitos de trabalho. Entretanto, estabelecer limites claros com os colegas é essencial para a saúde, a felicidade e a produtividade. Isso deixa você e sua equipe mais energizados e animados para conquistar os objetivos da empresa.

Os funcionários mais felizes e produtivos não trabalham sozinhos. Normalmente, eles também traçam limites sobre quando e com que frequência vão olhar o e-mail comercial. E essa afirmação não é apenas resultado da minha própria observação, ela também é comprovada por pesquisas.

Estudos revelam que funcionários acostumados a receber e-mails fora do horário comercial experimentam um aumento no nível de ansiedade, bem como a diminuição da qualidade do sono e uma menor satisfação nos seus relacionamentos. Isso acontece porque eles ficam com a sensação constante de que uma mensagem do trabalho pode chegar a qualquer momento, independentemente do horário ou dia da semana. Bill Becker, um pesquisador da Virginia Tech, chamou isso de “estresse antecipatório”, um estado de alerta que continua após o expediente, mesmo que nenhum recado chegue.

Surpreendentemente, esse estudo descobriu também que os efeitos negativos não se limitavam a quem ficava vigiando a caixa de entrada do e-mail, mas se estendiam até os colegas desse profissional afetado.

Portanto, antes de clicar em “enviar’ no que parece ser apenas uma pergunta rápida, pergunte-se se isso é mais importante do que apoiar a qualidade de vida do seu colega.

E sim, o destinatário tem responsabilidade e controle sobre a verificação ou não dos e-mails. Na verdade, minha mensagem para clientes ocupados é que, se você verifica seu e-mail do trabalho à noite e nos fins de semana, o trabalho não está “invadindo” sua vida pessoal – é você que o está convidando para entrar. Mas, se você é o líder, saiba que é mais fácil não verificar e-mails de trabalho quando você sabe que não é o chefe que os está enviando.

VEJA TAMBÉM: 12 podcasts para alavancar a carreira

DIMINUIÇÃO DE PRODUTIVIDADE

Como instrutor de produtividade, costumo dizer a meus clientes que às vezes a melhor coisa que você pode fazer pelo seu trabalho é não trabalhar. E eles costumam dizer algo como: “Sim, eu não trabalho no fim de semana, apenas respondo alguns e-mails”.

Aqui está o erro: e-mail é trabalho. Ele mantém a sua mente ocupada com as responsabilidades profissionais, impedindo-o de relaxar.

Se você é um funcionário especializado e foi contratado por sua capacidade intelectual, criativa, crítica, analítica e comunicadora, permanecer ansioso e estressado fará com que você não entregue o seu melhor para a organização.

Como humanos e profissionais, nossa prioridade deve ser sempre atender a nossa mente, corpo e alma. Isso significa reservar tempo para a família e amigos, se alimentar de maneira saudável ​​e descansar bastante. Essa é a única maneira de trazer o nosso melhor para o trabalho e para o resto de nossas vidas.

Para resolver esse problema, os líderes da empresa precisam fornecer orientação sobre como a comunicação deve acontecer dentro da organização. A criação de diretrizes claras é uma etapa crítica para ajudar os funcionários a se desconectar durante as noites, finais de semana e até nas férias.

Políticas de comunicação claras e apoiadas pelos líderes podem ajudar os funcionários a delimitar o espaço do trabalho e da vida pessoal. Ao ajudar seus colaboradores a se desconectarem depois do expediente, você reduzirá o “estresse antecipatório” e possivelmente até aumentará a qualidade do sono e dos seus relacionamentos.

O sucesso organizacional em detrimento do bem-estar físico e emocional de sua equipe não é um modelo sustentável. Dê o primeiro passo para ajudar seus funcionários a liberar sua genialidade evitando e-mails de trabalho após o expediente. Você pode descobrir que isso também contribui para o equilíbrio da sua própria vida.


Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).