Conheça o Fusca que é um Porsche

Divulgação
Este Volkswagen é um verdadeiro Porsche – e uma parte importante da história automotiva alemã

Resumo:

  • Ferdinand Porsche projetou o VW 39, da Volkswagen, como um modelo e protótipo pré-série em 1939;
  • Apenas 14 veículos deixaram a fábrica na Alemanha. Hoje, ainda há um: o de chassi 1-00003;
  • O carro foi recuperado de um estado lamentável após a guerra e vendido a um colecionador em Hamburgo em 1948;
  • O automóvel clássico foi comprado há cinco anos por Thomas König e Oliver Schmidt, os fundadores do Automuseum PROTOTYP.

Apenas 14 veículos do protótipo do VolkswagenVW 39”, construído pela Porsche, deixaram a fábrica em Stuttgart-Zuffenhausen na época. Ainda existe um: o modelo com o número de chassi 1-00003 que agora está em um museu em Hamburgo.

LEIA MAIS: Carro do ator Burt Reynolds vai a leilão

Este Volkswagen é um verdadeiro Porsche – e uma parte importante da história automotiva alemã. Ferdinand Porsche projetou o carro como um modelo e protótipo pré-série em 1939. O que este modelo tinha de especial era o fato de que havia um motor Type 64 na parte traseira, em contraste com os outros protótipos da VW construídos em Zuffenhausen, na Alemanha. O carro esportivo foi designado para a primeira corrida de longa distância entre Berlim e Roma em 1939. A potência do motor foi aumentada para esse fim.

Ferdinand Porsche e seu filho frequentemente dirigiam o VW 39 entre o local de produção em Zuffenhausen, a fábrica da Volkswagen em Wolfsburg (que ainda estava em construção) e a capital Berlim. Com o motor mais potente, o veículo alcançou a excelente velocidade máxima de 145 km/h.

Ferdinand Porsche projetou o carro como um modelo e protótipo pré-série

No entanto, o motor não foi a única coisa notável sobre este Volkswagen, que foi chamado de Fusca. Ao se preparar para a produção em série planejada, máquinas-ferramentas foram usadas pela primeira vez para produzir o Modelo 39 em metal prensado – um método de produção que, mais tarde, seria desenvolvido e permanentemente usado.

Reprodução
Há cinco anos, o veículo clássico foi comprado por Thomas König e Oliver Schmidt, os fundadores do Automuseum PROTOTYP

O Volkswagen 39 também foi chamado de Fusca

Quando o Volkswagen 39 deixou a linha de produção da Porsche em Zuffenhausen, sua viagem o levou a Berlim, até a sede da Frente Alemã para o Trabalho. Pouco se sabe sobre seu uso lá – provavelmente foi colocado em exibição para gerar entusiasmo entre os clientes. É certo, no entanto, que o veículo foi recuperado de um estado lamentável após a guerra e vendido a um colecionador em Hamburgo, em 1948. Ele trabalhou no carro: o manteve vivo com peças estepes modernas e o pintou.

VEJA TAMBÉM: O curioso e exclusivo mundo dos carros em miniatura

A restauração do número 1-00003

Há cinco anos, o veículo clássico foi comprado por Thomas König e Oliver Schmidt, os fundadores do Automuseum PROTOTYP, em Hamburgo. Depois de mais de três anos de trabalho com um especialista em modelos antigos da Volkswagen, o número 1-00003 foi restaurado a sua condição original. Muitas peças tiveram de ser especialmente fabricadas à mão para isso. Com seu acabamento preto envernizado, o único VW 39 ainda existente agora brilha como em seu primeiro dia.


Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).