São Francisco é a cidade com mais 3 estrelas Michelin

Destino supera Nova York na edição 2018 do guia

Giulianna Iodice
Compartilhe esta publicação:

Nova York é, sem dúvida, um dos mais importantes destinos gastronômicos do mundo. No entanto, a edição 2018 do guia Michelin trouxe más notícias para a cidade. Pela primeira vez na história da publicação, São Francisco ultrapassa Nova York na quantidade de estabelecimentos com três estrelas Michelin e se torna a líder em território norte-americano.

Acessibilidade


LEIA MAIS: 11 países com o maior número de restaurantes com estrelas Michelin

No ano passado, as duas cidades empataram, com seis restaurantes cada uma com três estrelas. A principal mudança neste ano foi o rebaixamento do restaurante nova-iorquino Jean-Georges, do chef Jean-Georges Vongerichten, para duas estrelas – ele permaneceu na categoria máxima por mais de uma década. Enquanto isso, São Francisco registrou a ascensão de um estabelecimento, o Coi, mudando o placar para 7 a 5.

Os veteranos de Nova York que seguem intactos são: Chef’s Table at Brooklyn Fare, Eleven Madison Park, Le Bernardin, Masa e Per Se.

Veja a seguir os restaurantes da cidade californiana listados na publicação e algumas de suas características.

  • Divulgação

    The French Laundry

    Inscreva-se para receber a nossa newsletter
    Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

    Pertence ao renomado chef Thomas Keller, que também é proprietário do estrelado Per Se, de Nova York. Serve dois menus-degustação que variam todos os dias

  • Reprodução/Facebook

    Saison

    Casa do chef Joshua Skenes, tem ambiente casual, com paredes de tijolo aparente, e menu criativo, com combinação inusitada de sabores

  • Divulgação

    The Restaurant at Meadowood

    Localizado no Napa Valley, serve pratos leves, com ingredientes retirados da horta local – orgânica e sustentável

  • Divulgação

    Quince

    Ganhou a classificação três estrelas no guia do ano passado e a manteve na nova edição. O chef Michael Tusk serve menu com pratos contemporâneos

  • Divulgação

    Coi

    O novato no guia serve apenas um menu degustação – por lá, os frutos do mar são as estrelas do cardápio

  • Reprodução/Pinterest

    Manresa

    Segue a linha farm-to-table e respeita a sazonalidade dos ingredientes na hora de “pensar” o menu-degustação, servido apenas no jantar

  • Divulgação

    Benu

    Culinária de influência asiática-contemporânea em um ambiente tranquilo

Divulgação

The French Laundry

Pertence ao renomado chef Thomas Keller, que também é proprietário do estrelado Per Se, de Nova York. Serve dois menus-degustação que variam todos os dias

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).

Compartilhe esta publicação: